Sahifa fully responsive WordPress News, Magazine, Newspaper, and blog ThemeForest one of the most versatile website themes in the world.

Lei reconhece Esmeraldo Tarquínio como prefeito de Santos

esmerado

Santos (SP) – Eleito prefeito de Santos com cerca de 54 mil votos, o emedebista Esmeraldo Tarquínio chegou a ser diplomado, mas foi cassado pelo regime militar antes de assumir o cargo. Nesta segunda-feira (17), ele teve sua memória e importância política para a cidade reconhecidas. Foi sancionada a lei que confere a Tarquínio a condição honorífica de prefeito municipal, em cerimônia realizada no salão nobre que leva o seu nome, no Paço Municipal de Santos. Conforme a Lei 3.373/2017, em todos os objetos e cerimônias oficiais do município em que for mencionado, Tarquínio terá de ser tratado como ex-prefeito.

“O deputado Esmerando Tarquínio foi orgulho para o MDB e para o MDB”, afirmou o deputado Baleia Rossi (SP), líder da bancada peemedebista na Câmara Federal. Segundo ele, Tarquínio “foi defensor da democracia e dos interesses da sociedade, em especial da santista. A lei ora sancionada é uma mais que justa homenagem e reconhecimento não somente ao homem público, mas também à pessoa de Esmeraldo Tarquínio”, disse.

O projeto estabelecendo a homenagem foi apresentado à Câmara pelo Executivo Municipal. O ato solene de sanção da lei contou com a presença de familiares, autoridades e representantes de diversos segmentos.

Em ofício enviado ao prefeito Paulo Alexandre Barbosa, o deputado Baleia Rossi reconheceu a importância da homenagem, também na qualidade de presidente do Diretório Estadual do MDB em São Paulo. “Me permito falar em nome de todos os filiados e detentores de mandato do Partido. O deputado Esmeraldo Tarquínio é exemplo para todos que militam na política nacional, é um exemplo para a democracia brasileira”, afirmou.

Baleia Rossi informou que solicitou que o ato de reconhecimento e homenagem ao ex-deputado Tarquínio seja registrado nos anais da Câmara dos Deputados e do Senado Federal, assim como na Assembleia Legislativa de São Paulo através dos membros do MDB.

História

Esmeraldo Soares Tarquínio de Campos Filho nasceu em São Vicente, no dia 12 de abril de 1927. Foi vereador e deputado estadual, além de advogado, despachante aduaneiro e jornalista. Eleito prefeito de Santos em 1968 com cerca de 45 mil votos, chegou a ser diplomado, mas em 14 de março de 1969 o Governo Militar cassou seu mandato, antes mesmo de sua posse. Anos depois foi eleito Deputado Estadual pelo MDB.

Em 1.982, com amplíssima vantagem nas pesquisas eleitorais, faleceu a poucos dias de nova eleição para prefeito de Santos. O candidato a vice-prefeito em sua chapa assumiu a candidatura a prefeito e venceu as eleições pelo MDB, tendo seu filho, Esmeraldo Neto, então com menos de 20 anos, na condição de vice. Tarquínio morreu em 10 de novembro de 1982, aos 55 anos, vítima de um acidente vascular cerebral.

Comentários estão fechados.